Sapore + IMC: nasce a empresa mais completa do setor de alimentação

Após seis meses de intensas negociações, a Sapore e a International Meal Company Alimentação S.A., a IMC, anunciaram acordo de fusão na última sexta-feira, 15 de junho. A notícia foi muito bem recebida pelo mercado, que acredita na complementariedade dos negócios.

Pelo acordo, Daniel Mendez passa a ser chairman da nova empresa, presidindo o Conselho de Administração, no qual vai poder indicar mais três conselheiros, somando quatro cadeiras das sete do board. A atual estrutura da Sapore não será alterada, permanecendo Paulo Pires como CEO e os demais diretores à frente de suas áreas atuais. O mesmo ocorre na IMC, que mantém Newton Silveira como CEO.

Ao unir forças com a IMC, surgirá uma companhia líder em alimentação, com faturamento superior a R$ 3 bilhões, mais de 1,4 mil pontos de venda, cerca de 25 mil funcionários e presença internacional. Além do Brasil, as duas empresas têm operações na Colômbia, enquanto a Sapore atua também no México e a IMC no Panamá e Estados Unidos.

“As sinergias são muitas. Com a fusão das duas empresas, nós teremos a possibilidade de oferecer serviços de alimentação de A a Z”, explica Daniel Mendez. Isso porque a Sapore além de ser o terceiro maior player em restaurantes corporativos no Brasil, já domina o setor de megaeventos por concentrar a operação de A&B de festivais como o Lollapalooza, Olimpíada e Paralimpíada Rio2016 e o Mundial de Futebol de 2014. Também possui franquias em terminais rodoviários e aeroportuários.

Do outro lado, a IMC tem uma atuação diversificada no varejo, com marcas de sucesso nacional e internacional, como Olive Garden, Red Lobster, Viena, Frango Assado, Batata Inglesa, Carl´s Jr, Margaritaville, entre outras. A companhia ainda é dona da RA Catering, responsável pela concessão no varejo de alimentação em aeroportos e fornecedora de refeições de bordo para companhias aéreas.

“A atuação da IMC está muito concentrada no eixo Rio-São Paulo, enquanto a presença geográfica da Sapore é forte em todo o Brasil, praticamente, o que vai nos ajudar a abrir mercado. Algumas marcas da IMC poderão expandir mais rapidamente para regiões onde não atuamos, porque já haverá sinergia em logística e equipe com expertise no mercado local”, diz Newton Maia, CEO da IMC.

O acordo não só expande o leque de oportunidades de negócios entre ambas como proporciona maior eficiência operacional à IMC e traz ganhos na diversificação de receitas para a Sapore. No momento, a transação ainda está sujeita à aprovação de órgãos reguladores e à votação na assembleia de acionistas da IMC.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *